Como criar um e-commerce de forma fácil?

Hoje em dia é muito comum ver um certo incentivo ao empreendimento, e um exemplo de fazer isso é criar um e-commerce. Podemos citar diversos motivos que explicam o crescimento da criação de lojas virtuais, como a liberdade financeira. Desse modo, saiba como criar um e-commerce de forma fácil.

Com a internet, nós temos uma variedade muito maior do que antes, no que se refere a aprendizado. Ou seja, somente com a sua conexão com a internet, já é possível encontrar tutoriais que explicam passo a passo sobre como criar um e-commerce.

No geral, já alertamos que você não precisa dominar os conhecimentos tecnológicos ou até mesmo ser um programador. Com foco e planejamento, será possível criar um e-commerce e ter o seu próprio negócio no ambiente virtual.

Dicas de como criar um e-commerce de forma fácil

Pensando em uma dificuldade geral das pessoas, trouxemos algumas dicas para te ajudar a criar um e-commerce de forma fácil.

Estabeleça um produto e o público antes de criar um e-commerce

O primeiro passo para criar um e-commerce é estabelecer um produto, e quem isso pode ajudar, ou seja, o seu público. Tome como exemplo o caso da Grow, em que o público é formado por corretores novos no mercado que utilizam a sua ferramenta digital para buscar orçamento de seguradoras.

Esse exemplo é muito interessante por trazer uma visão mais clara da nossa dica: você precisa ter um produto muito bem definido, e quem será atingido com isso.

É nessa fase do negócio que você define um plano a ser seguido a fim de vender com mais facilidade. Sendo assim, defina as suas pessoas e como o seu negócio pode ajudar a superar algum obstáculo.

Defina a plataforma utilizada para o seu e-commerce

Depois que você já definiu um produto ou serviço e o seu público, é o momento ideal para escolher uma plataforma usada para criar um e-commerce. Algumas das plataformas mais usadas são a Nuvem Shop e o Google Pages, mas se sinta livre para escolher a opção que mais te agrada.

A maioria das plataformas nesse sentido já oferece um ambiente virtual mais preparado para atender melhor às expectativas do empreendedor. Sendo assim, você deve escolher uma plataforma que permita melhores configurações do e-commerce, bem como o cadastro de produtos.

Na hora de pesquisar por essas plataformas, confira os custos que cada uma delas oferece, como o plano mensal, por exemplo.

Configure as opções para realizar pagamentos

Um outro passo muito importante antes de criar um e-commerce é definir os meios possíveis que o seu negócio poderá receber como pagamento. Hoje também é muito mais fácil encontrar bancos digitais e afins que tenham taxas baixas para receber pagamentos.

No entanto, não é somente uma taxa que vai definir a melhor opção para você. Considere todos os pontos possíveis, desde os custos, claro, até o suporte que oferece.

Alguns dos principais exemplos são o PagSeguro e o PayPal.

Defina como a sua loja será organizada

Você também precisa se preocupar com a organização da loja, isto é, o tema que o site vai ter, uma logo que chame a atenção dos clientes e uma aba no site com o “sobre” e os “contatos”.

Nessa hora, você pode brincar com a sua criatividade, explorando as categorias possíveis e adicionando os produtos no seu e-commerce.

Invista em estratégias de marketing

Junto com o e-commerce, o marketing também é uma área em amplo crescimento no Brasil e no mundo. Por esse motivo, com o intuito de captar cada vez mais clientes, invista em estratégias de marketing para criar um e-commerce.